Connect with us

Hi, what are you looking for?

Artigos de Cinema

10 filmes com representatividade LGBT+ que você deve assistir

Quem aí já tá cansado das mesmas histórias sem representatividade passando nas telinhas? Confira nossa lista de filmes para celebrar o mês do orgulho LGBT+

No dia 28 de Junho é celebrado o dia do Orgulho LGBTQI mundialmente. A data se tornou um marco na história da luta pela representatividade após a Rebelião de Stonewall, que aconteceu em 1969 nos Estados Unidos. Na época, um bar conhecido por ser frequentado pela comunidade LGBTQI era duramente oprimido com ataques policias constantes. Entretanto, seus frequentadores, cansados de sofrer com a violência e opressão, decidiram resistir. A rebelião durou alguns dias e ficou mundialmente conhecida por ser um símbolo em prol da liberdade.

Infelizmente, apesar das diversas conquistas LGBTQI no mundo, ainda há muita coisa para mudar, e, no mundo cinematográfico também. Como diz aquele ditado “a arte imita a vida”. Sendo assim, ainda é extremamente difícil encontrar grandes produções voltadas para o público LGBTQI. Além de ser frustrante ter um catálogo super seleto de filmes com representatividade, ainda precisamos lidar com obras que mostram uma história triste ou de repressão em que pouca vezes o protagonista encontra um final feliz. Por isso, separamos uma lista com 10 filmes com representatividade que valem a pena assistir.

1. Moonlight

Mahershala Ali como Juan e Alex Hibbert como Chiron no filme Moonlight: Sob a Luz do Luar

Vencedor do Oscar de Melhor Filme de 2017, Moonlight: Sob a Luz do Luar conta a história de Chiron, um jovem que batalha para entender sua identidade e sexualidade ao longo da vida em um contexto de pobreza, vício e abuso.

O longa se tornou um marco na história do cinema por ser o primeiro filme com um elenco todo negro e de temática LGBT a ganhar o prêmio de Melhor Filme.

2. Hoje eu quero voltar sozinho

Guilherme Lobos e Fábio Audi como Leonardo e Gabriel no filme Hoje Eu Quero Voltar Sozinho

O longa Hoje Eu Quero Voltar Sozinho é um dos grandes sucessos do cinema nacional. Dirigido, produzido e roteirizado por Daniel Ribeiro, o filme é um drama adolescente que conquista pela sensibilidade ao abordar a juventude e a sexualidade.

Leonardo, o protagonista do filme, interpretado por Guilherme Lobo, é um menino cego que batalha para conquistar sua independência. O garoto convive com pais superprotetores que sempre colocam limites em detrimento à sua deficiência. Entretanto, apesar da dificuldades, Léo quer ter uma vida normal e, com a ajuda de sua melhor amiga Giovanna, planeja fazer um intercâmbio. Por causa de suas limitações, Léo sofre muito bullying na escola, mas tudo muda quando Gabriel, o aluno novo, chega na sala de Leonardo.

O filme traz um romance sutil e cheio de descobertas, mostrando as dificuldades da vida no ensino médio, mas a liberdade em se encontrar ao lado de outra pessoa.

3. Love, Simon

Nick Robinson como Simon no filme Love, Simon

Love, Simon (ou Com amor, Simon) é uma comédia dramática norte-americana que narra a história de Simon, um adolescente gay que não sabe como contar para sua família e amigos sobre sua orientação sexual. Para lidar com a angústia e o medo da revelação, Simon começa a trocar mensagens anônimas com um colega não assumido que utiliza o pseudônimo ‘Blue’.

O adolescente, porém, se vê em uma situação difícil quando um chantagista descobre sua troca de mensagens com Blue e ameaçar expor toda a verdade. Simon, então, é forçado a lidar com sua paixão por Blue, a necessidade em descobrir a identidade da pessoa por trás das mensagens e o perigo constante de ser exposto por seu chantagista.

4. Meu Nome é Ray

Elle Fanning como Ray no filme Meu nome é Ray

Meu nome não é Ray é um filme de 2015, dirigido por Gaby Dellal e protagonizado por Elle Fanning e Naomi Watts. O longa traz a história de Ramonna, uma jovem que nasceu menina em sua forma biológica, mas que, desde os 4 anos de idade, se identifica como um menino.

A trama mostra a caminhada cheia de obstáculos que Ray precisa enfrentar para conseguir sua transição de gênero. O destino do menino fica nas mãos de seus pais, que precisam autorizar o seu tratamento. Maggie, mãe de Ray, é uma grande aliada do filho e, ao longo de toda a trama, busca dar todo o apoio e suporte para Ray se sentir bem em seu próprio corpo.

O filme é sensível e realista e ressalta diversos pontos importantes e necessários sobre identidade e transição de gênero.

5. Boy Erased

Nicole Kidman e Lucas Hedges em Boy Erased: Uma Verdade Anulada

Boy Erased: Uma verdade anulada, de 2018, é um filme estadunidense de drama biográfico baseado no livro Boy Erased: A Memoir, de Garrad Conley. O longa causou polêmica após ter o seu lançamento cancelado no Brasil. Sendo assim, o filme nunca chegou às telinhas dos cinemas brasileiros.

A trama acompanha a vida de Jared, um jovem homossexual filho de pais batistas que é forçado a participar de um programa de reorientação sexual. O filme traz questões extremamente importantes sobre identidade, aceitação, homofobia e religião.

6. Praia do Futuro

Donato, Ayrton e Konrad no filme Praia do Futuro

Protagonizado por Wagner Moura, Jesuíta Barbosa e Clemens Schick, o filme Praia do Futuro traz uma co-produção alemã e brasileira focada na vida de três homens que vivem em conflito para se libertar do que as pessoas projetam neles.

A história começa quando Donato, interpretado por Wagner Moura, perde pela primeira vez pro mar. O salva-vidas, também conhecido como Aquaman, tenta socorrer dois turistas alemães das águas cearenses, mas apenas um sobrevive. Após o afogamento traumático do amigo do turista alemão, Donato começa uma relação com Konrad e deixa Fortaleza para ir para Berlim. Donato se muda para o inverno frio, deixando para trás seu passado e seu irmão mais novo Ayrton.

A trama aborda questões como adaptação, liberdade e identidade. A vida dos três protagonistas é entrelaçada pelo poder de mudança em relação a expectativa dos outros.

7. O Mau Exemplo de Cameron Post

Chloë Moretz como Cameron em O Mau Exemplo de Cameron Post

Semelhante ao filme Boy Erased, O Mau Exemplo de Cameron Post também busca mostrar a realidade de programas estadunidenses voltados para a conversão sexual.

Dirigindo por Desiree Akhavan, o filme de 2019 conta a história de Cameron, uma adolescente órfã que é enviada para uma instituição para conversão sexual por sua tia cristã.

8. Laerte-se

Laerte em cena do documentário Laerte-se

Laerte-se é um documentário original da Netflix, de 2017, que mostra a vida da cartunista e chargista brasileira Laerte. Considerada uma figura revolucionária, Laerte viveu grande parte da sua vida como homem, assumindo sua transexualidade com 57 anos de idade.

O documentário permeia a vida da cartunista e expõe os diversos desafios no processo de aceitação, libertação e identidade.

9. A Garota Dinamarquesa

Eddie Redmayne como Lili Elbe em A Garota Dinamarquesa

A Garota Dinamarquesa é um drama pseudo-biográfico baseado no romance de mesmo nome de David Ebershoff e inspirado na vida das pintoras dinamarquesas Lili Elbe e Gerda Wegener.

O ator Eddie Redmayne dá a vida a Lili Elbe, uma das primeiras pessoas transgênero a se submeter a uma cirurgia de redesignação de sexo.

A história narra a descoberta da transexualidade de Lili, antes atribuída como Einar, e os obstáculos enfrentados na luta pela redesignação sexual e o relacionamento com sua esposa Gerda.

10. Você Nem Imagina

Ellie Chu e Aster Flores do filme Você Nem Imagina

O novo filme da Netflix, Você nem Imagina, conquistou os corações apaixonados por trazer, de uma forma diferente, uma paixão adolescente inusitada. Ellie Chu, protagonista do filme, é uma menina tímida e solitária que mora em uma pacata cidade chamada Squahamish. A adolescente faz uma grana extra vendendo trabalhos escolares para os seus colegas de classe, mas tudo muda quando Paul, um jogador de futebol americano, pede para ela escrever uma carta para a garota que ele gosta.

A história conquista pela trama, que nos leva para um triângulo amoroso jamais visto antes. Ellie Chu acaba se apaixonando pela menina para quem escreve as cartas, e Paul se vê apaixonado por Ellie Chu. O filme encanta pela inocência e facilidade em desenrolar, de forma tão sutil, um romance que foge apenas do lado amoroso.

Click to comment

Você Pode Gostar

Séries

Cavaleiro da Lua ganhou trailer oficial durante o jogo Los Angeles Rams x Arizona Cardinals.

Cinema

Homem Aranha 3 contará com Andrew Garfield e Kirsten Dunst, Tobey Maguire também é citado! É isso mesmo que você leu no titulo, não...

Artigos de Cinema

Se você é fã do mundo mágico de Harry Potter, com certeza já quis saber qual casa da saga combina com você, né? Então,...

Séries

Supernatural é um dos programas de maior duração da TV, o que significa que possui uma longa lista de vilões incrivelmente fortes.